domingo, 25 de abril de 2010

Eu não quis dizer isso...


DIZEM QUE A PALAVRA É METADE DE QUEM A PRONUNCIA E METADE DE QUEM OUVE... EU ESTOU COMEÇANDO A ACHAR QUE ELA É TODA DE QUEM OUVE...
Já havia acontecido isso algumas vezes, mas nessas últimas semanas tornou-se mais frequente...

Eu falo uma frase que pode ser entendida de duas formas.

A chance de eu estar me referindo ao "lado bom" é de 99% e ao "lado ruim" (com ironia, ou indireta, orgulho...) 1%.

Não é que as pessoas que me ouvem escolhem o pior sentido?!

"Não foi isso que eu quis dizer, pessoal!"

Mas, aí já é tarde! Não dá pra tentar me explicar.

Ninguém me ouve...

Está todo mundo rindo. "Olha, pra Juju!" "Juju, nunca imaginei ouvir você dizendo isso!"

Eu não falei nada demais. A frase era tão normal...


JÁ ACONTECEU ISSO COM VOCÊ?

SERÁ QUE É PORQUE NÓS NÃO ESTAMOS SABENDO COMO EXPRESSAR COERENTEMENTE NOSSOS PENSAMENTOS ?

OU

SÃO AS PESSOAS QUE, PARA SE DEFENDEREM DA ÓPTICA DO MUNDO SOBRE O QUE ELAS PRÓPRIAS PENSAM, PROJETAM SEUS PENSAMENTOS E REFLEXÕES SOCIALMENTE "ABSURDOS" EM NÓS, TENTANDO NOS ENVERGONHAR?

domingo, 18 de abril de 2010

Conversando com meu melhor amigo.


Senhor, peço-Te que continue segurando minhas mãos

Guiando os meus passos

Ensinando-me cada vez mais de Ti...

Que o Teu Santo Espírito não se afaste de mim

pois preciso Dele para continuar minha jornada...

Oh, Pai

Livra-me das tentações

Dá-me forças para vencê-las

Mas, se um dia eu cair, levanta-me.

Renove as minhas forças,

e me ponha em Tua presença mais uma vez.

Quero ser sempre um vaso de honra em Tua casa.

Quero permanecer aos Teus pés,

nos Teus braços,

servindo-O e adorando-O

Por todos os dias da minha vida.

Pois só Tu és digno do meu louvor e da minha adoração.

Por Juliane Pontes


domingo, 11 de abril de 2010

Sem saber o que dizer....


Tô tão feliz!

O trabalhar de Deus tem sido tão lindo na minha vida!

Foi tudo tão rápido.

Até eu não acredito!

Só tenho a agradecer pela pessoa que Ele colocou no meu caminho.

Servo de Deus, fiel (isso é muito importante)...

e outras características que me cativaram.

Faltam-me palavras para agradecer-Lhe por tudo!

Mesmo assim,

eu continuo pedindo a Papai que continue nos abençoando.

Eu estou em Suas mãos.

Quer dizer, nós estamos.

Caminharemos juntos,

na presença de Deus,

trabalhando para Ele

e seguindo a Sua palavra.

Um ajudando ao outro. Aconselhando...

Incentivando...

Brincando...

Rindo...

Chorando...

Adorando e louvando ao Senhor!

Obrigada, Pai, por essa chuva de bençãos!

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Vigiar e orar constantemente!!!!!!!


Pois é, meus amigos. Isso é muuuuuiiiito importante!

Bem, eu não sou muito de sempre dar créditos aos sonhos não, mas alguns são realmente avisos divinos. Um amigo meu teve um sonho comigo e outro "amigo" nosso. Ele me falou que não era muito bom e que esse "amigo" tentava me afrontar, me intimidar por causa da "minha religião" (é assim que ele se refere ao fato de eu ser uma fiel seguidora de Cristo). É. Mas Jesus já nos previne com relação a isso em sua Palavra, quando diz que seremos perseguidos por causa do Seu nome. Mas...Voltando ao sonho. Quando meu amigo terminou de me contar, conversamos e concordamos: "Temos que orar mais e vigiar mais!"

Não demorou muito, e não foi a pessoa do sonho, mas outra quem começou a tentar nos intimidar por não querermos nos juntar a algo que não nos é lícito. Confesso-lhes que não é tão fácil manter nossa posição, ou melhor, manter nossa posição com firmeza e convicção de forma contundente, mas serena. Pois há coisas que se tentarmos explicar para os que estão fora dos caminhos do Senhor, eles não entenderão e ainda pode gerar contendas. E não é isso que queremos. Por isso, devemos estar preparados pra enfrentar tais situações pela graça do Espírito Santo. Ele, sim, pode e nos ajudar a nos mantermos firmes em nossas convicções, mantendo a paz com todos, porém sem nos "unirmos" (se é que vocês me entendem) àqueles que não andam em Sua vontade.

Deixo-vos, portanto, essa mensagem: Vigiem e orem sempre! Pois em simples situações cotidianas o inimigo de nossas almas pode tentar nos afrontar. Mas estejamos sempre sob a vontade de Deus, e o Espírito Santo nos fará vencer. "Porque, o maior é O que está conosco do que o que está com eles."

Por Juliane Pontes

sábado, 3 de abril de 2010

Não sei por que...


Deu vontade de escrever sobre um importante marco da minha vida... Não sei por que agora, hoje, mas... Sei lá... Cada vez que conto isso pra alguém me emociono, sempre!

Tudo bem. Você que já me ouviu contar, pode dizer que não me viu chorar quando lhe contei, mas pode ter certeza que eu me arrepiei todinha. Eu fico tão feliz em poder contar! Afinal..., se eu estou contando, é porque estou viva! Glória a Deus!

Foi em julho de 2006. Eu fazia cursinho preparatório para vestibular. Aí já viu, né! Aula todo dia, o dia todo fora de casa, estudando muito, estresse... E esta última palavrinha foi uma das justificativas dadas pelos médicos ao meu problema de saúde. Eu estava com diabetes! Não acreditei. Eu com 19 anos, ninguém da minha família é diabético, ninguém, ninguém,ninguém. (Pelo menos todos que conseguimos resgatar na memória!) Mas, enfim, foi esse o diagnóstico. Para vocês terem uma idéia, eu cheguei a perder uns 10 kg em uns 4 dias! Sem contar com os que eu já tinha perdido antes. Fui ao médico, e a "médica" que me atendeu, sem fazer nenhum exame (físico, complementar, nada!) me mandou tomar uma vitamina GLICOSADA! Disse que eu estava fraquinha, só isso. Fui para casa e segui suas recomendações. Piorei! Voltei para emergência e a partir daí não lembro de mais nada com clareza! Só o que me contaram. Quase estive em coma! Colheram meu sangue, e enquanto o resultado não saía... administraram soro GLICOSADO em mim! Pronto! Quando o resultado do exame chegou, arrancaram o tubo de sangue da minha veia e tomaram as devidas providências. Minha taxa de glicose estava em quase 800 mg/dL (normal: 70 - 110). É verdade! Ninguém no hospital entendeu como eu não já tinha morrido!(não que essa fosse a vontade deles, é claro. rsrsrsrs) Fiquei uns dias na UTI. Minha mãe falou que eu vivia me despedindo de todos! Não lembro.

Os dias que fiquei na UTI foram ótimos e péssimos. Ótimos porque conheci muita gente, médicos, enfermeiros, serventes... (é que, apesar de já ter saído do estado do "pré-coma", continuei na UTI para ajustar minhas taxas de glicose que continuavam altas.) Mas eu podia conversar, rir , brincar... Mas, às vezes, estavam todos ocupados ao mesmo tempo, e aí eu ficava sem ter o que fazer, acordada... Era péssimo. Dava sempre vontade de chorar. Eu pensava nas pessoas importantes pra mim. Pensava que eu poderia ter morrido sem ter dito pra algumas delas que as amava. Pensava como elas iriam sofrer com a minha perda (modesta, não?). Mas, eu pensava mesmo e ficava ainda mais triste em pensar na tristeza que lhes causaria.

...

Bom, mas isso me trouxe uma grande lição: Eu aprendi a aproveitar mais cada momento com aqueles que amo! Brincar, abraçar, sorrir, demonstrar (ainda que não com palavras) como é lindo e puro o sentimento que tenho por elas: o amor. Eu aprendi também a valorizar mais minha vida, a ver o quanto eu tenho valor diante do Deus, criador de todas as maravilhosas coisas! E se eu estou viva hoje, é porque Ele quis, e tem algo imensuravelmente grandioso para mim. Sendo assim, eu só tenho a agradecer-Lhe: vivendo em Sua presença, por Ele e para Ele. Tudo que eu tenho e faço é Dele. Sem Ele, eu não estaria aqui agora, escrevendo pra vocês.

Por isso, meu MAIOR desejo é permanecer em Sua presença todos os dias da minha preciosíssima vida! Obrigada, Pai!

É....E voltando ao início... deu vontade de escrever isso e não sei por que... só sei que foi assim...

Por Juliane Pontes

quinta-feira, 1 de abril de 2010